Organizadas Flamengo


Alegria de poucos no Maracanã by linsham00

Primeiro torcedor na imensa fila que se formou no Maracanã, o estudante
Vicente Koester pensou “que ia morrer” durante a confusão na manhã
desta quarta-feira. Após ficar mais de 48 horas sentado no estádio, o
jovem de 18 anos saiu feliz e também assustado com toda a confusão.

– Vale todo esse esforço para ver o Flamengo ser campeão. Mas achei que
ia morrer. Não conseguia respirar com o spray de pimenta. Se não
tivesse água na mochila, não sei o que teria acontecido – disse.

Tiago Gonçalves exibe com orgulho o ingresso

Também no primeiro grupo que saiu com lugar garantido para a partida
de domingo estava o vendedor Tiago Gonçalves, 25 anos, morador de
Caxias (Baixada Fluminense). Ele disse que estava na fila desde
segunda-feira, ao meio-dia, e que ficou acampado durante todo esse
tempo:

– Foi muito sofrimento, nunca pensei em fazer isso na minha vida, mas
valeu. Mesmo com a polícia estourando bomba. Estou dois dias sem tomar
banho e com um cheiro horrível. A primeira coisa que quero fazer agora
é entrar debaixo de um chuveiro. 

Já o estudante Carlos Moura, de 21 anos, foi um dos últimos torcedores
a conseguir comprar um ingresso. Ele voltou para a casa aliviado e com
a certeza de que valeu a pena todo o esforço.

– Nem acredito que consegui. A pior parte foi quando começaram a
espremer a gente. Foi muito complicado. A polícia não conseguia
controlar a multidão. Mas consegui o meu – disse.

Mas para muitos rubro-negros, ter o bilhete nas mãos não significou o
fim dos problemas. Nas imediações do estádio, houve tentativa de
assaltos, com marginais tentando roubar as entradas. Novamente, a PM
teve de agir.

Subcomandante do Gepe admite situação de risco

Após conseguir dispersar os torcedores, o subcomandante do Gepe
(Grupamento Especial de Policiamento em Estádios), o capitão José
Genezio, admitiu que a venda de ingressos foi considerada de alto
risco. Mas considerou a ação da Polícia um sucesso.

– Sobraram cerca de cinco mil ingressos e eles precisavam ser
vendidos. Um órgão público não pode deixar de vender esses ingressos
alegando falta de segurança. Mas foi uma ação perigosa. Nos mobilizamos
desde segunda-feira e  conseguimos controlar a situação – disse
Genezio. 

Anúncios

1 Comentário so far
Deixe um comentário

Eu sou o Thiago da foto e só passando aqui para confirmar que eu estarei firme e forte domingo no maraca só p ver meu Flamengo ser hexacampeão, vamos Flamengo, rumo ao hexa, vamos flamengo e esse caneco vamos conquistar!!!!!

Comentário por Thiago Gonçalves Lins




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: